Dicas de Viagem

10 ideias incríveis para brincar com as crianças no tempo livre

10 de agosto de 2018 0 comentário

Tempo de férias é uma alegria só para toda a família. O problema é quando, em casa ou no hotel, bate aquele tédio e os pequenos ficam inquietos querendo se divertir.

Nessas horas, é muito comum recorrer a um filme ou cada um ficar entretido em seu próprio mundo, no celular ou no tablet. No entanto, existem várias opções de jogos que colocam as crianças para se movimentar e exercitar o espírito de amizade e companheirismo.

Para ajudá-lo a ter férias ainda mais divertidas com os pequenos, apresentamos a seguir uma lista com 10 alternativas para brincar com as crianças e deixar os momentos em família inesquecíveis. Com certeza, você vai voltar a se sentir como criança e dar boas risadas. Confira!

1. Jogo das personalidades

Distribua um pequeno papel para cada criança e peça para cada uma anotar o nome de uma personalidade. Pode ser um cantor, um ator ou qualquer pessoa conhecida. Em seguida, dobre os papéis e realize um sorteio. Cada participante deverá retirar um papel, mas sem olhar o que está escrito!

O próximo passo é pegar uma fita adesiva e pedir que cada criança fixe seu papel na própria testa, de modo que todos os outros participantes vejam quem foi a personalidade sorteada, exceto a própria pessoa que estiver com o papel no rosto.

A brincadeira começa quando, por meio de perguntas aos colegas, cada criança tenta adivinhar a personalidade sorteada. Perde quem fica por último sem acertar.

2. Elefante voa?

Esse jogo é uma variação do “morto-vivo”. O líder deve conduzir a brincadeira dizendo o nome de várias aves e outros animais. Ele pergunta: “Beija-flor voa?”, ou “Sabiá voa?”, e todos os participantes devem se mover imitando o bater de asas.

Mas se o líder disser, por exemplo, “Elefante voa?”, todos devem ficar imóveis, com as mãos junto ao corpo. Perde quem se me mexer na hora errada.

3. Chicotinho queimado

Uma única criança deve ficar em um cômodo e escolher um objeto para esconder. Dado o sinal, as demais crianças retornam e começam a procurar o item.

A primeira criança, então, deve conduzir o jogo dizendo “frio” quando os participantes estiverem distantes do objeto e “morno” e “quente” à medida que forem se aproximando. Vence quem encontra o objeto primeiro.

4. Corrida de pinguim

Nessa brincadeira, os joelhos de cada participante são amarrados com um barbante. Ao ouvirem o sinal, eles devem partir andando como pinguins em direção à chegada. Vence quem terminar o percurso primeiro.

5. Com quem está a bola

Uma criança fica de costas para a turma de colegas e arremessa a bola para trás. Após um participante pegar o objeto, todos devem ficar alinhados com as mãos para trás, para que a criança que jogou a bola se vire e tente adivinhar com quem está a bola.

Se ela adivinhar, permanece com a mesma função de líder. Se errar, a criança que estava com a bola assume o lugar.

6. Corrida de papel

Nessa brincadeira, a ideia é que cada criança tenha em mãos 2 pedaços de papel (aproximadamente do tamanho da sola dos pés).

Ao dar a largada, antes mesmo de completar o primeiro passo, um pedaço de papel deve ser colocado à frente dos pés. Ou seja, só é permitido pisar em cima do papel. O processo se repete em seguida: antes de dar o segundo passo, deve-se posicionar o outro pedaço de papel. E assim por diante. Vence quem chegar primeiro respeitando a regra do jogo.

7. Estátua

Uma criança será a responsável por controlar a música. Enquanto o som está ligado, os demais participantes dançam e se movimentam bastante. De repente, o líder desliga a música e grita: “Estátua!”.

A partir daí, todos os participantes devem ficar imóveis, na posição que estavam no momento em que a música parou. O líder, então, observa atentamente cada um dos colegas, para tentar identificar o mínimo movimento.

8. Na minha barquinha

Esse jogo é um prato cheio para quem gosta de desafiar a memória. Primeiramente, o líder deve escolher um tema. Por exemplo, frutas. Ele então começa: “Na minha barquinha vai maçã”. Em seguida, é a vez do próximo participante, que deve acrescentar um item à sequência: “Na minha barquinha vai maçã e pera”. O jogo segue: “Na minha barquinha vai maçã, pera e melancia”. E assim por diante. O desafio é repetir toda a sequência sem errar.

9. Passa anel

Para essa brincadeira, as crianças devem se sentar enfileiradas e o líder deve ficar de frente para elas. As crianças devem estar com as palmas das mãos unidas, para que o líder (também com as palmas das mãos unidas, segurando um anel) simule deixar o anel em cada um dos pares de mãos. Mas apenas uma criança receberá o objeto discretamente!

Após a rodada, o líder pergunta para uma das crianças: “Com quem está o anel?” Ela, então, deve tentar acertar quem recebeu a joia. Se acertar, assume o papel do líder. Se errar, a criança que recebeu o anel é a próxima a passá-lo.

10. Cabra-cega

Essa clássica brincadeira é sucesso com todas as crianças. Um participante tem os olhos vendados e seu corpo girado algumas vezes, para que perca levemente o senso de direção. Em seguida, os outros participantes se espalham pelo local e a “cabra-cega” tenta pegar algum dos participantes. Ao conseguir isso, este é vendado e inicia-se a próxima rodada.

Como você viu, existem várias maneiras de brincar com as crianças e tornar ainda mais agradáveis as férias e outros momentos em família. Então, da próxima vez que você se deparar com um dia chuvoso ou com imprevistos na realização de algum passeio, nada de ligar o celular, o tablet ou a TV! Aproveite para instruir os pequenos sobre o espírito de equipe e também para transmitir valores como honestidade e determinação.

Gostou das nossas sugestões de como brincar com as crianças? Já conhecia muitos desses jogos? Para ajudar outros pais a inovar nas férias e estimular a convivência mútua, compartilhe este post nas redes sociais. Certamente, alguns dos seus amigos vão adorar essas ideias!

Veja Também