GastronomiaRelatos

A ceia de Natal mundo a fora

25 de dezembro de 2014 0 comentário

xmas

Por exemplo: o que é a rabanada? Porque essa maravilhosa delícia só dá o ar de sua graça na época do Natal? Essas e outras perguntas sexta no Globo Repórter. Mentira, vou tentar mostrar um pouco das comidas típicas natalinas aqui nesse texto. É claro que a celebração é de ordem Cristã o dia do nascimento do menino Jesus, o presépio, apóstolos, Missa do Galo, etc… Mas muito da celebração acabou se tornando um misto de várias culturas e influencias regionais e até comerciais (o bom velhinho Noel e sua cor vermelha para vender refrigerante…). O peru de Natal, ave que só cisca em determinadas regiões do planeta, acabou atravessando oceanos para morrer na ceia dos mais diferentes povos. Mas sempre ao lado de um acompanhamento típico: a farofa brasileira, o eggnog americano, um peixinho finlandês… Vãos dar uma saboreada virtual na Ceia de Natal mundo a fora.

1- Finlândia: o clássico presunto de Natal faz sucesso a América do Sul a Escandinávia e é o prato principal na Suécia, Noruega Finlândia… Típicas batatas, passas e nozes complementam. Até um peixe pode estar presente na mesa. E o vinho embala as cantigas.

2- Polônia, Ucrânia e outros no Leste Europeu: tradição culinária de Natal por essas bandas é bem curiosa, um festival de 12 pratos diferentes e sem carne. Eles fazem jejum no período antes das festas e largam de mão na comidarada no dia 25/12!

3- Dinamarca: porco, ganso ou pato. São os animais que enfeitam as mesas e apetecem a barriga dos dinamarqueses no dia 24/12. Diferente de tantas outras regiões, parece que escolheram tipos de carne não tão populares ao longo do ano. Tradição, sacada comercial ou os dois? A sobremesa é um tradicional pudim de arroz que vem com uma amêndoa escondida, o felizardo que a encontrar ganha um presente especial!

4- Holanda: a tradição é um jantarzão estilo gourmet em pequenas quantidades e cada um temperando suas carnes e vegetais em sua própria panelinha. Curioso…

5- França: Ostras, foie gras, salmão defumado, lagosta… Tudo muito refinado. E a sobremesa é o tradicional bolo La Buche de Noel, em vários sabores: chocolate, creme, baunilha… Para beber, é claro: champagne!

6- Alemanha: as tradições gastronômicas já começam no dia 6/12 e entre alguns deleites que já se tornaram comuns em todo o mundo, sobrevivem na Alemanha alguns destaques sensacionais. O biscoito Pfeffernusse em vários sabores deixa o Cookie americano no chinelo, e quem torce o nariz para bolo com fruta cristalizada nunca provou um Fruchtebrot com mel e creme. Pra fechar a tampa, um vinho quente com limão e canela. Coisa de outro mundo!

Veja Também