Dicas de Viagem

Descubra como comprar moeda estrangeira!

29 de outubro de 2018 0 comentário

A realização de uma viagem internacional envolve inúmeros preparativos e um deles é a necessidade de comprar moeda estrangeira.

Essa etapa é essencial para o passeio e, por isso, mesmo os viajantes mais experientes ficam com dúvidas sobre quando fazer o câmbio, quais as melhores formas de pagamento, entre outras questões.

Pensando nisso, o objetivo deste post é esclarecer melhor o assunto para que você entenda como comprar moeda estrangeira. Continue a leitura e saiba mais!

Entenda a diferença entre a moeda de uso comercial e a de turismo

O primeiro passo para comprar moeda estrangeira é entender a diferença entre os valores para uso comercial e para turismo.

Essa confusão é bastante comum, já que quando acompanhamos a variação de uma moeda, como o dólar, a cotação em destaque nos portais de notícia está relacionada à moeda comercial, que é mais baixa que a de turismo. Veja a diferença:

  • moeda comercial: envolve a movimentação de uma grande soma de dinheiro e essa opção é utilizada, por exemplo, em contratos de importação e exportação, transferências financeiras e operações do governo — além disso, a cotação comercial também pode ser utilizada para fazer a conversão na fatura do cartão de crédito.
  • moeda turismo: ao comprar moeda estrangeira em espécie ou para carregar cartões pré-pagos, a cotação será feita pela modalidade de turismo, que é um pouco mais alta que a comercial devido aos custos de manuseio das cédulas.

Dessa forma, você deve considerar a cotação turismo ao fazer o planejamento financeiro da viagem. Além disso, ao adquirir dinheiro em espécie é primordial pesquisar o valor em diferentes casas de câmbio, pois pode haver variações.

Analise as formas de pagamento para utilizar no destino

Além do dinheiro em espécie, é recomendado ter outras formas de pagamento para utilizar no destino. Assim, você evita contratempos caso o dinheiro não seja suficiente e em situações de perda ou roubo. Veja abaixo quais são as principais.

Dinheiro

A moeda em espécie é a principal forma de pagamento utilizada pelos turistas. Ela é interessante para pagar corridas de táxi, contas em restaurantes, compras em feiras e lojas, entre outras despesas. É possível sair com até R$ 10 mil do país.

Para comprar a moeda estrangeira em espécie você deve entrar em contato com casas de câmbio, corretoras ou bancos que disponibilizam esse serviço. Além do valor da cotação, é preciso considerar a tarifa de 1,1% de imposto sobre operações financeiras (IOF).

Cartão de crédito

O cartão de crédito é outra modalidade bastante utilizada em viagens no exterior, já que reduz os riscos relacionados ao manuseio de dinheiro. No entanto, é recomendado tomar cuidado ao utilizá-lo — a cotação da moeda geralmente é feita no fechamento da fatura, ou seja, se houver aumento no valor, isso elevará os custos da viagem.

Para evitar surpresas negativas com a oscilação da moeda, alguns bancos permitem que o cliente trave a cotação no dia da compra. Sendo assim, verifique se seu banco disponibiliza esse serviço e solicite essa forma de conversão.

Algumas instituições financeiras trabalham com o formato de recarga para cartão de crédito. Nesse caso, o cliente faz um carregamento na cotação que achar mais favorável para utilizar ao longo da viagem e apenas quando o saldo pré-carregado acabar as compras serão realizadas normalmente no formato de crédito.

Por fim, antes de viajar verifique se seu cartão está habilitado para uso internacional. Além disso, é importante levar em conta a taxa de IOF, que é de 6,38% para as compras com cartão de crédito.

Cartão pré-pago

O cartão pré-pago é outra opção para viagens internacionais. Ele pode ser utilizado como cartão de débito e para saque na moeda local, porém, pode haver taxas para saque e de administração.

A recarga é feita pela cotação turismo e há tarifa de 6,38% de IOF, como no cartão de crédito. Você pode adquiri-lo em casas de câmbio e em bancos.

Também é possível utilizar o cartão de débito para compras à vista e para fazer saques na moeda local. Entretanto, além do IOF de 6,38%, é comum haver taxas de saque. Sendo assim, avalie se a estratégia será vantajosa. Para utilizar o cartão no exterior é preciso solicitar o desbloqueio em seu banco.

Saiba como comprar moeda estrangeira

Antes de comprar a moeda estrangeira verifique qual é a do destino. Para uma viagem aos EUA você precisará de dólar, mas em outros locais pode ser mais vantajoso adquirir a moeda oficial.

Outra dica é fazer um planejamento financeiro da viagem para calcular o gasto médio por dia e todo o montante necessário para o período.

É importante analisar os custos com transporte, alimentação, passeios e compras que serão pagos em dinheiro para ter uma ideia dos custos da viagem. Calcule ainda um recurso extra, de 10% a 20% do total, para eventuais emergências.

Após essa etapa, comece a pesquisar a cotação nas casas de câmbio e em bancos para analisar qual deles oferece o melhor custo-benefício.

Você pode fazer o câmbio de moedas no Brasil ou no país de destino. No entanto, dependendo do país, a cotação por aqui é mais favorável.

Além disso, é recomendado comprar uma parte da moeda estrangeira antes de viajar, assim você já terá recursos financeiros para as despesas iniciais, como taxi do aeroporto ao hotel, e evita problemas caso não consiga trocar o dinheiro nos primeiros dias.

Não deixe para comprar a moeda estrangeira muito próximo à data da viagem. Como é difícil prever o dia em que a cotação estará melhor, a dica é fazer o câmbio aos poucos para minimizar os prejuízos financeiros com a oscilação da moeda.

De forma resumida, as principais dicas para adquirir dinheiro em espécie são:

  • analise a moeda utilizada no destino;
  • faça um planejamento financeiro da viagem para saber o custo diário e total;
  • defina quanto você precisará levar em dinheiro;
  • pesquise a cotação da moeda em diferentes casas de câmbios para conseguir o melhor custo-benefício;
  • troque o dinheiro aos poucos;
  • guarde o dinheiro em um local adequado.

Lembre-se de separar mais de uma opção de pagamento para evitar contratempos e ter maior tranquilidade na viagem.

Além de reservar passagens aéreas e hotéis, separar a documentação necessária e montar o roteiro, é fundamental comprar moeda estrangeira para a viagem internacional. Sendo assim, esperamos que as dicas do texto lhe ajudem nessa etapa do passeio.

Gostou do conteúdo? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Deixe sua pergunta nos comentários!

Veja Também