Tag

Descubra

Internacionais

Tener en casa a tu papa…

24 de julho de 2014 0 comentário

Buenos

Você pode tirar o Maior Evento de Futebol do Mundo de dentro do fã de futebol, mas não tira o fã de futebol de dentro do Maior Evento de Futebol do Mundo. É por isso que, mesmo após o fim do grande evento futebolístico e mesmo com a performance aquém do esperado  da seleção brasileira, sigo usando este maravilhoso campeonato de mote para minhas colunas. Como usei de pano de fundo a Alemanha para escrever o último texto (leia aqui sobre a minha cidade favorita no país: Munique), achei que seria justo e oportuno falar sobre minha cidade favorita no país vice-campeão, nosso co-irmão sulamericano, a Argentina. E, dentro dela, a sua cidade que mais me encanta, a capital Buenos Aires.

 

Tirando de lado as rivalidades no campo esportivo acho esse antagonismo com nossos Hermanos uma tremenda bobagem. Sempre fui muito bem tratado e tenho grandes amigos argentinos. Conseguimos deixar nossas diferenças (e provocações) restritas a nossos respectivos clubes e seleções nacionais. Salvo um recalquezinho fruto de diferenças de situação econômica pontuais, ou um ranço pessoal bobo de um lado ou de outro, esse intercâmbio no mercosul é muito bacana. A verdade é que nossos vizinhos mais marrentos tem muito a nos ensinar. BsAs tem mais livrarias que em todo o Brasil, as Mães da Plaza de Mayo mostram o quão mais politizado é o povo argentino do que o brasileiro,  transporte público dá show em qualquer cidade do Brasil… E por aí vai.

 

Vou aproveitar e citar aqui alguns lugares bacanas de visitar na cidade. Nada de Café Tortoni, Obelisco, Livraria Ateneo… que apesar de interessantes você encontra em qualquer roteiro mequetrefe sobre a cidade. Seguem as Dicas Alternativas de Buenos Aires por André Fran!

 

–          Mine: hotel com design moderno e ao mesmo tempo aconchegante que fica na badalada Palermo Soho.

–          Patio del Liceo: mercado alternativo de artes. Para a galera hipster passear e apreciar.

–          Villa Crespo: break para a namorada. Ruazinha fashion com várias lojas e outlets. Compras.

–          Fifi Almacén: restaurante super charmoso. Parece memso um armazém moderno. Sanduiches, empanadas, wraps… tudo de primeira!

–          Casa-Chic: hotel, loja de decoração e restaurante. Três em um com uma característica em comum: tudo muito fofinho. Perfeito para casais enamorados.

–          Nina Bakery: é tipo a Magonlia Bakery (NY) de Buenos Aires. Só que maior e mais chiquezinha. Ou talvez uma CheeseCake Factory só que não cafona.

 

Essas foram as minhas dicas diferentes de Buenos Aires. Quais são as de vocês?

DestinosNacionaisPorto Alegre

Parabéns Porto Alegre!

26 de março de 2014 0 comentário

POA 4

A capital gaucha completa mais um ano cheia de charme e estilo. Nós aqui do Blog vamos dar todas as dicas para você aproveitar tudo que ela tem para oferecer.

Quando ir?

Porto Alegre é linda durante o ano todo, mas sem dúvida seus atrativos estão no período do inverno, quando a cidade chega a registrar temperaturas negativas. O certo é que seja no inverno ou no verão, no frio ou no calor, você encontrará muitas coisas para fazer e muitos lugares para conhecer!

O que fazer?

Mercado Municipal: Localizado na Praça XV de Novembro, é o mercado mais famoso da cidade. No primeiro andar ficam as bancas – aqui a sugestão é para tomar um sorvete na famosa banca 40. No segundo e disputado andar ficam ótimas opções de restaurantes com comidas regionais Chegue cedo para garantir o seu lugar e saboreie a deliciosa gastronomia dos pampas.

Praça da Alfândega: Um dos cartões postais da cidade, é ainda o endereço da famosa Feira do Livro de Porto Alegre (acontece apenas de outubro a novembro). Por lá você encontra, também, uma estátua do Mario Quintana e Carlos Drummond de Andrade, vale ou não uma visita?

Praça da Matriz: São inúmeras as opções para você conhecer aqui. À direita está o Theatro São Pedro, um dos mais antigos e bonitos do Brasil. Aproveite para tomar um café no charmoso restaurante do Theatro. De lá você conseguirá ver o Palácio da Justiça, a Catedral Metropolitana e o Palácio Piratini, sede do Governo do Estado. 

Parque Farroupilha: Conhecido com o Parque Redenção é o maior e mais famoso parque da cidade. Ideal para uma boa caminhada ou um passeio com a família.

Happy Hour: Sem dúvida o melhor lugar para curtir um Happy Hour é o bairro da Cidade Baixa, o mais boêmio da cidade. São ótimas opções de restaurantes, pubs e bares que agradarão a todo tipo de público.

Onde Comer

Churrascaria Giovanaz: Um dos melhores espetos corrido de Porto Alegre. Quem quer conhecer a famosa carne gaúcha, precisa conhecer.

Galpão Crioulo: Uma das mais famosas churrascarias da cidade, o Galpão oferece além das carnes, comida regional e shows tradicionalistas do Rio Grande do Sul.

Gokan Sushi: Se você quer fugir das carnes, que tal um japonês? Localizado em uma das zonas mais nobres da cidade, tem uma variedade de dar inveja a qualquer restaurante. É um prato cheio para os amantes da culinária nipônica.

 

Nós temos voos para Porto Alegre partindo de: São Paulo, Rio de Janeiro e Florianópolis. Confira aqui ao lado!

Relatos

As Grandes Viagens e Os Viajantes da História

6 de março de 2014 0 comentário

Andre capa

Acredita-se que o primeiro Guia de Viagem foi escrito pelo soberano grego Pausanias, em 160AD. Mas, é claro: viagens, expedições, missões, excursões, campanhas militares… existem desde sabe lá quando. Foi através de viagens que se romperam barreiras culturais, que se descobriu adventos que impulsionaram a evolução da humanidade, que se percebeu a variedade e a diversidade tão rica e útil de nosso planeta. Podemos dizer que o ser humano é compelido a viajar, e que os viajantes foram alguns dos principais agentes de mudanças e evolução desde tempos imemoriais. A curiosidade e o desejo de explorar faz parte de nossa natureza. Isso não há como negar.

 

Alguns viajantes lendários marcaram grandes momentos de nossa história e mudaram para sempre a forma que encaramos as viagens em si e até o mundo a nossa volta.

 

HomeroSuas grandes obras Ilíada e Odisseia, marcam grandes viagens. Livros eternizados que colocaram Tróia (hoje, na Turquia) como um dos grandes destinos a serem conhecidos e desbravados desde o tempo do Império Romano.

 

Thomas Jefferson– Um dos primeiros presidentes americanos, talvez tenha sido até hoje o que mais gostava de terras estrangeiras, viajar e conhecer outras culturas. Amante confesso de vinho, fez de suas excursões pela Europa um motivo nobre e útil para buscar referencias de cultura, saúde, poesia, política, literatura e ciências em países como Inglaterra, Portugal, Espanha, França e Itália.

 

Charles Darwin- o pai da teoria da evolução foi um renomado viajante. Inclusive, algumas de suas mais clássicas teorias foram desenvolvidas em expedições a desconhecida e selvagem (mais ainda em sua época) Ilhas Galápagos.

 

Cristovão Colombo– Ficou conhecido como o descobridor das Américas. Foi um explorador de Gênova que partiu em busca das Índias e acabou fazendo uma das maiores expedições pelo Atlântico.

 

James Cook- cartógrafo, cientista e explorador. Talvez tenha sido o homem que descobriu a maior parte de território do nosso planeta. Circunavegou o globo duas vezes! Percorreu os sete continentes e cruzou os círculos polares ártico e antártico.

 

Marco Polo– Simplesmente ajudou a estabelecer a Rota da Seda ligando a Europa a Ásia. Isso no século XV! Com isso, mudou a face da história.

 

Os caras pavimentaram o caminho. Agora, você não tem desculpa. Com o mundo todo a um voo de distância, totalmente (ou grande parte dele) conectado a internet e com um hostel a disposição dos orçamentos mais modestos, o mundo está em suas mãos. É só querer e escolher onde e como você vai deixar aflorar a sua veia de explorador!