Promoções

Viagens bate e volta: como aproveitar ao máximo viagens curtas

1 de março de 2019 0 comentário

Viagens bate e volta são ótimas alternativas de passeios para conhecer novos locais. Afinal, mesmo que você tenha pouco tempo, é possível visitar os principais atrativos do destino.

Embora o período seja curto, muitas pessoas realizam viagens de um ou dois dias e conseguem aproveitar bem o passeio, sendo uma boa opção para uma viagem sozinho, em casal ou com a família.

Um dos segredos para isso é pesquisar sobre a cidade e elaborar um roteiro com as atividades que deseja realizar. Você terá uma surpresa com a quantidade de coisas que é possível fazer em um dia!

Quer organizar uma viagem nesse estilo? Então, continue a leitura e veja as dicas que separamos para ajudar você nessa missão.

Escolha bem o destino

A escolha do destino é um ponto fundamental. Municípios menores ou que tenham um bom sistema de transporte são mais tranquilos para viagens bate e volta. Veja abaixo algumas sugestões.

Belo Horizonte

A capital mineira é uma boa opção para viagens curtas. Não deixe de incluir no roteiro a visita à Lagoa da Pampulha, à Praça da Liberdade e ao Mercado Municipal.

Se você for permanecer na cidade por mais de um dia, vale a pena aproveitar a estadia para ir até o Mirante das Mangabeiras e ao bairro Savassi — que é repleto de restaurantes e botecos, uma boa alternativa para a programação noturna.

Curitiba

A cidade tem boa infraestrutura e é bastante viável visitá-la em poucos dias. Pegar o ônibus de turismo é uma ótima ideia para otimizar o passeio e se deslocar pelos principais pontos turísticos.

O centro histórico, o Jardim Botânico e a Ópera de Arame são algumas das atrações para incluir no roteiro. Se tiver mais tempo você ainda pode ir ao Museu Niemeyer e reservar algumas horas para passear em um dos parques de Curitiba.

Campos do Jordão

Esse é um bom local para quem sai de São Paulo, já que ele fica 170 km de distância. A região é visitada por muitos turistas em viagens bate e volta nos dias frios, pois ela fica ainda mais charmosa nessa época.

Por ser pequena, é possível visitar os principais atrativos em um dia, e ainda sobra tempo para almoçar ou jantar em alguns dos deliciosos restaurantes da cidade.

Brasília

A capital federal pode ser o destino principal da viagem ou ponto de saída para outros locais, como a Chapada dos Veadeiros. Contudo, independentemente do motivo, ela também é uma boa opção para fazer turismo em 1 ou 2 dias.

Nesse período é possível conhecer a Catedral Metropolitana, fazer a visita guiada pelo Congresso Nacional e pelo Palácio da Alvorada, ir à Praça dos Três Poderes, entre outras atividades.

Analise a melhor forma de deslocamento

Se você planeja fazer viagens bate e volta em cidades próximas, provavelmente a melhor alternativa será o carro, e isso facilitará a sua locomoção pela região.

Mas se a ideia é visitar locais um pouco mais distantes, vale muito a pena considerar o deslocamento aéreo. Dessa forma, você chegará bem mais rápido ao destino e aproveitará melhor o passeio. Para você ter uma ideia, o percurso entre São Paulo e Curitiba de carro ou ônibus dura em média 6 horas. Já em uma viagem de avião, isso será feito em cerca de 1 hora.

Procure uma hospedagem com boa localização

Em viagens de um dia, isso não será necessário. Mas, se você planeja dormir ao menos uma noite no destino, é essencial verificar a localização da hospedagem.

Ao escolher um hotel próximo aos principais pontos turísticos, ou em uma região com fácil acesso a transporte, você perderá menos tempo com deslocamento. Em viagens bate e volta cada minuto conta e ficar uma hora no trânsito, por exemplo, pode atrapalhar os seus planos e impedir que você visite os locais desejados.

Elabore o seu roteiro com atenção

Montar o roteiro com alguns dias de antecedência é algo extremamente útil para viagens curtas. Dessa forma, você programa o seu dia com as atrações que deseja visitar, encontra bons restaurantes, decide a melhor forma de deslocamento etc.

Para aproveitar melhor o passeio, procure chegar cedo à cidade. Além disso, pesquise sobre o local para montar o seu roteiro da forma mais detalhada e otimizada possível. Vale consultar sites de turismo, conversar com amigos que já conhecem o destino, pedir dicas em grupos de viagens, entre outras estratégias.

Ao selecionar os pontos turísticos, analise o mapa e a forma de deslocamento para organizar as atividades por região. Ao ficar um dia em BH, por exemplo, você pode reservar a parte da manhã para conhecer os atrativos da região central e a parte da tarde para ir até o Complexo da Pampulha, localizado em uma área mais distante.

Outra dica é analisar a previsão do tempo na cidade. Se houver ameaça de chuva e o passeio for em local aberto, vale a pena considerar um plano B. Que tal pensar em uma visita a um museu ou outro espaço fechado?

Leve apenas o necessário

Em viagens bate volta, o ideal é otimizar a bagagem para não ficar carregando peso durante o passeio. Caso você esteja com muitos itens, os aeroportos e rodoviárias costumam ter guarda-volume, o que pode ser uma boa saída para armazenar os objetos que não serão utilizados ao longo do dia.

Entretanto, não se esqueça de separar uma mochila pequena para levar com você documentos, itens de higiene, agasalho, água, protetor solar e carregador de celular. Hoje em dia, a maioria dos viajantes organiza o roteiro e os deslocamentos em aplicativo do celular, e ficar sem bateria poderá atrapalhar os seus planos. Se julgar necessário, você também pode investir em uma bateria extra.

Há inúmeros destinos interessantes no Brasil e não dá para ficar esperando as férias ou feriados prolongados para visitá-los, não é mesmo? As viagens bate e volta são boas formas de fazer isso e, com as sugestões acima, você conseguirá organizar melhor o passeio.

Já conhecia todas essas dicas? Aproveite para compartilhar este texto em suas redes sociais! Assim, seus familiares e amigos também vão aprender a organizar uma viagem bate e volta!

Veja Também