Preparativos

Viajar com os filhos: por que é tão importante?

16 de novembro de 2018 0 comentário

Se você tem uma rotina agitada e trabalha muito, certamente o momento mais esperado do ano são as férias escolares. Afinal, essa é a hora de pegar as crianças e partir em busca de aventuras, descanso e momentos de convivência.

Mas, ao viajar com os filhos, os pais recebem muito mais do que lazer e diversão. Com a família reunida, fica mais fácil transmitir aos pequenos valores importantes e reforçar sentimentos de companheirismo. Ou seja, os laços familiares são fortalecidos e todos voltam para casa com um forte sentimento de união.

Continue a leitura do texto e confira mais detalhes sobre a importância de viajar com os filhos.

Desenvolve a capacidade de negociação

Poucas coisas na vida exigem tanta tolerância quanto as viagens em grupo. Isso porque, para que todos aproveitem as férias da melhor forma, é fundamental haver negociação e muito diálogo.

Nem sempre um passeio, um restaurante ou mesmo o destino escolhido será o preferido de todos da família. Nessas horas, pode até ser que algum dos membros fique frustrado e se mostre insatisfeito com as escolha dos pais ou da maioria.

Se isso acontecer ao viajar com os filhos, procure conversar com tranquilidade e explicar os motivos de certo passeio ter sido escolhido, e não outro. É muito importante também não desvalorizar a fala e o sentimento dos pequenos, ainda que seja preciso deixar claro que a decisão já foi tomada.

Estimula a empatia

Em férias em grupo, esse é um valor que pode ser trabalhado a todo momento com as crianças. Por exemplo: na hora de um passeio muito aguardado, o que não falta é empolgação. Mas e se um dos membros da família acordar indisposto e não se sentir em condições de cumprir com o planejado para o dia?

Em casos como esse, os pais devem conversar bastante com os pequenos e mostrar que a pessoa que não se sente bem precisa ser acolhida e respeitada. Mais uma vez, a palavra-chave é o diálogo, pois assim todos podem transformar o sentimento de frustração em um momento de solidariedade.

O mesmo tipo de situação pode ocorrer em passeios que exigem mais esforço físico, como trilhas e escalada. Afinal, nesses momentos, o bem-estar de todos deve estar acima do desejo de se chegar ao destino final.

A empatia também pode ser reforçada em outras pequenas atitudes. Que tal deixar o irmão que está mais cansado tomar banho primeiro? Por que não esperar um pouco pelo lanche, se não estiver com tanta fome?

Revela a importância da responsabilidade

Ao viajar com os filhos, o senso de responsabilidade pode ser reforçado em vários momentos, a começar na preparação para a viagem.

Mostre às crianças a importância de organizar adequadamente as malas, escolhendo itens apropriados e que não ultrapassem o peso permitido para a franquia de bagagens.

Também é fundamental reforçar a necessidade de chegar ao aeroporto com antecedência, de controlar os gastos durante a viagem e de ser pontual em todos os passeios agendados. E lembre-se de que eles aprendem muito mais com o exemplo dos adultos do que com qualquer outra coisa.

Promove oportunidades de socialização

Cada vez mais, as crianças e adolescentes ficam em frente ao computador, dentro dos seus quartos ou simplesmente navegando no smartphone. Esses hábitos têm levado ao isolamento e à falta de interação.

As férias são o momento perfeito para desenvolver as habilidades de socialização. Reforce com os filhos a importância de cultivar um momento de vivência com a família e negocie o tempo que será destinado ao celular diariamente.

Também é interessante encorajar as crianças a fazer novas amizades, seja na praia, nos playgrounds ou resorts. Daí pode nascer uma grande parceria, que pode até mesmo ser mantida por muitos anos via internet.

Ressalta a importância do respeito

Ao viajarmos para lugares muito diferentes dos que vivenciamos no dia a dia, é comum nos depararmos com hábitos e costumes que podem parecer inusitados ou estranhos em um primeiro momento. Isso também vale para as outras expressões de cultura, como linguagem, religião, música e gastronomia. Essa diversidade é perfeita para educar os pequenos sobre a importância do respeito e da tolerância.

Procure sempre enfatizar que nenhuma cultura é superior a outra, que todos os povos têm imenso valor para a sociedade e que temos muito a aprender ao interagirmos com pessoas de outras regiões. E isso vale tanto para o exterior quanto para viagens dentro do Brasil.

Sempre que as crianças se mostrarem surpresas e curiosas com algum costume, procure não inibir a curiosidade, mas ressalte a importância de tratar a todos de forma igual e com educação e respeito. Também é essencial mostrar que os turistas precisam cuidar dos lugares que visitam, principalmente se o passeio for em meio à natureza.

Favorece a busca por novos desafios

Estimular as crianças a vencerem dificuldades e superarem seus limites pode não ser fácil na correria do dia a dia. Mas, ao viajar com os filhos, tente aproveitar os passeios para colocar em desenvolvimento algumas habilidades.

Procure conversar com os pequenos sobre opções de passeio nunca antes cogitadas e verifique qual é o nível de interesse da família. Algumas opções muito divertidas e ideais para a superação de limites são acampamento, trilhas e escaladas.

No entanto, a viagem com os filhos também pode ser estimulante em vários outros aspectos. Que tal experimentar um alimento típico da região visitada, ainda que ele pareça muito diferente à primeira vista? E por que não se matricular em uma aula local de dança ou música?

Estimula a curiosidade

A educação das crianças pode ser motivada pelos pais em todos os momentos da viagem. Ao preparar o roteiro, por exemplo, peça a participação dos pequenos e anote as ideias que eles têm de passeios e o que desejam saber sobre a região que vão visitar, desde a cultura até o idioma, se o destino for internacional.

Com a ajuda da internet, separe materiais e fotografias sobre os locais que serão visitados e estimule as crianças a também buscarem informações relevantes para a viagem. Isso vai fazer com que eles se sintam bem mais empolgados para os passeios e ainda vai ressaltar a importância da negociação.

Como você viu, a viagem em família pode ser muito mais do que lazer, descanso e divertimento. Ao viajar com os filhos para conhecer novas culturas e vivenciar experiências diversas, você investe na educação deles e contribui para a formação de cidadãos melhores e mais conscientes.

Gostou deste post? Então, aproveite a visita ao blog e não deixe de conferir estas 4 dicas de roteiro de viagem com crianças!

Veja Também